Contatos

twitter: @LabSisUFRN; telefone: 84 3215-3796;
facebook: LabSis Ufrn

terça-feira, 22 de julho de 2014

Novo tremor na região de Sobral-CE em 16/07/2014

    Na semana passada, no dia 16/07, às 23:48 UTC (20:48, hora local) ocorreu um novo tremor na região de Sobral. O evento, de magnitude 2.1, teve epicentro localizado a aproximadamente 8 km a SE de Alcântaras, 10 km a SSW de Meruoca e a 16 km a WNW de Sobral. Esse evento foi sentido em Alcântaras ( http://portaljovensac.blogspot.com.br/2014/07/tremor-de-terra-volta-ser-registrado-em.html ). Essa informação nos chegou através de Freire Filho, morador de Alcântaras.
    O mapa de localização epicentral encontra-se na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. O epicentro está simbolizado pela estrela vermelha. O triângulo vermelho simboliza a estação de Sobral (SBBR). Em destaque, os limites dos municípios de Sobral, Alcântaras e Meruoca.
    O registro do evento pela estação SBBR é mostrado na Figura 2.

Figura 2. Registro do evento na estação SBBR.
    A atividade sísmica na região de Sobral vem ocorrendo na Serra da Meruoca, no limite dos municípios de Sobral, Alcântaras e Meruoca desde janeiro de 2008. O evento de maior magnitude (4.2) ocorreu em maio de 2008 e, desde então, de vez em quando, ocorre um tremor sentido pela população. Como acontece normalmente, em tais circunstâncias, não dá para prever qual a evolução futura dessa atividade sísmica.
    
Fonte: LabSis/UFRN; RSISNE; INCT-ET
Joaquim Ferreira, Eduardo Menezes, Regina Spinelli, Suélio Carolino

segunda-feira, 7 de julho de 2014

Novo tremor na cordilheira meso-oceânica em 06/07/2014

    Ontem, 06/07, às 17:08 UTC ocorreu um novo tremor na dorsal meso-oceânica desta vez de magnitude 4.9. O epicentro do tremor está localizado a aproximadamente 387 km a SE da ilha de Ascensão, a 2.400 km  a ESE de Fernando de Noronha, a 2.550 km a E de Recife e a 2.630 km a ESE de Natal.
    O mapa de localização epicentral está na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. O epicentro do sismo está simbolizado pela estrela vermelha. O triângulo vermelho indica a localização da estação de Riachuelo (RCBR).
    O registro desse evento na estção RCBR está mostrado na Figura 2.

Figura 2. Sismograma de 24h da estação RCBR. O registro do evento está dentro do retângulo vermelho.
Fonte: LabSis/UFRN, USGS
Joaquim Ferreira

quinta-feira, 3 de julho de 2014

Tremor próximo ao arquipélago de São Pedro e São Paulo em 01/07/2014

      No dia 01/07, às 20:49 UTC voltou a ocorrer um novo tremor na dorsal meso-oceânica, agora próximo ao arquipélago de São Pedro e São Paulo. Embora esse evento tenha sido bem registrado pela estação de Riachuelo (RCBR) o USGS não determinou, até agora, os parâmetros do mesmo. Utilizando os dados de RCBR e de outras estações da Rede Sismográfica Brasileira (RSB) o IAG/USP determinou a localização e a magnitude (4.6) do evento. 
    O epicentro do tremor está localizado a aproximadamente a 156 km a E de São Pedro e São Paulo, a 720 km a NE de Fernando de Noronha, a 1.090 km a NE de Natal, a 1.250 km a NNE de Recife e a 1.280 km a ENE de Fortaleza. Pela distância a São Pedro e São Paulo, menor que 200 milhas (ou 370 km), esse evento ocorreu dentro dos limites da ZEE (Zona Econômica Exclusiva) do Brasil, nessa região.
    O mapa de localização epicentral está na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. O epicentro do sismo está simbolizado pela estrela vermelha. O triângulo vermelho indica a localização da estação de Riachuelo (RCBR).
      O registro do evento na estação RCBR é mostrado na Figura 2.

Figura 2. Sismograma de 24h da estação RCBR. O registro do evento está dentro do retângulo vermelho.
Fonte: LabSis/UFRN, USGS, IAG/USP
Joaquim Ferreira, Eduardo Alexandre, Guilherme Weber

terça-feira, 1 de julho de 2014

Novo tremor na cordilheira meso-oceânica em 01/07/2014

  Hoje, 01/07, às 12:39 UTC ocorreu um novo tremor na dorsal meso-oceânica desta vez de magnitude 5.0. O epicentro do tremor está localizado a aproximadamente 1.280 km a N de Acaraú, a 1.340 km a NNE de São Luís, a 1.380 km a N de Fortaleza, a 1.440 km a NNW de São Pedro e São Paulo e a 1.615 km a NW de Fernando de Noronha.
    O mapa de localização epicentral está na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. O epicentro do sismo está simbolizado pela estrela vermelha. O triângulo vermelho indica a localização da estação de Riachuelo (RCBR).
    O registro do evento pela estação RCBR encontra-se na Figura 2.

Figura 2. Sismograma de 24h da estação RCBR. O registro do evento está dentro do retângulo vermelho.
Fonte: LabSis/UFRN, USGS
Joaquim Ferreira

segunda-feira, 30 de junho de 2014

Novo tremor na cordilheira meso-oceânica em 30/06/2014

    Hoje, 30/06, às 01:46 UTC ocorreu um novo tremor na dorsal meso-oceânica desta vez de magnitude 5.8. O epicentro do tremor está localizado a aproximadamente 938 km a N da ilha de Ascensão, a 1.340 km a ESE de São Pedro e São Paulo, a 1.740 km a ENE de Fernando de Noronha e a 2.090 km a ENE de Natal.
    O mapa de localização epicentral está na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. O epicentro do sismo está simbolizado pela estrela vermelha. O triângulo vermelho indica a localização da estação de Riachuelo (RCBR).
    O registro do evento na estação de RCBR está mostrado na Figura 2.

Figura 2. Sismograma de 24h da estação RCBR. O início do registro do evento está dentro do retângulo vermelho.
Fonte: LabSis/UFRN, USGS
Joaquim Ferreira

quarta-feira, 25 de junho de 2014

Tremor na Serra de João do Vale-RN em 16/06/2014

    Fomos informados por Alisson Medeiros de que um tremor havia ocorrido na Serra de João do Vale, no limite dos municípios de Jucurutu e Triunfo Potiguar, no Rio Grande do Norte. Foi feita uma varredura nos dados e foi constatado que esse evento foi registrado por diversas estações operadas pelo LabSis/UFRN. O evento ocorreu às 21:42 UTC (18:42, hora local) e teve magnitude preliminar de 1.8.
    O mapa de localização epicentral encontra-se na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. O epicentro está simbolizado pela estrela vermelha. Os triângulos vermelhos indicam estações de banda larga operadas pelo LabSis na região.
    O registro desse evento pela estação de Pau dos Ferros (PFBR) é mostrado na Figura 2.

Figura 2. Registro do evento na estação PFBR.
    Essa atividade sísmica ocorreu numa região onde não se conhecem tremores anteriores e não constitui surpresa pois todo o estado do Rio Grande do Norte é propenso a sismos.

Fonte: LabSis/UFRN; RSISNE; INCT-ET, USGS
Joaquim Ferreira, Suélio Carolino, Eduardo Menezes

segunda-feira, 23 de junho de 2014

Novos tremores na cordilheira meso-oceânica em 20, 21 e 22/06/2014

    Nos dias 20, 21 e 22/06 voltaram a ocorrer novos tremores na cordilheira meso-oceânica. No dia 20, às 03:04 UTC, ocorreu um tremor de magnitude 5.2, no sul da cordilheira (sismo 1, Figura 1). No dia 21, ocorreram dois eventos: o primeiro (sismo 2, na Figura 1), de magnitude 5.2, teve hora de origem 09:21 UTC, e epicentro frente à costa nordestina; o segundo evento (sismo 3, na Figura 1), de magnitude 5.0, teve hora de origem 11:08 UTC, e epicentro na parte sul da cordilheira. No dia 22, às 10:53 UTC, ocorreu um tremor de magnitude 4.5 com epicentro ao norte de Belém (sismo 4, na Figura 1). 
    O mapa de localização dos epicentros desses sismos é mostrado na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização dos epicentros. Os números correspondem à ordem de ocorrência dos eventos, conforme   descrito acima.
Fonte: LabSis/UFRN, USGS
Joaquim Ferreira

Novo tremor em Pedra Preta em 22/06/2014

    Ontem, dia 22/06, ocorreu um novo tremor em Pedra Preta acima do limiar de percepção (1.5). O evento ocorreu às 15:27 UTC (12:27, hora local) e teve magnitude 2.7.
    O mapa de localização epicentral está na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. O epicentro do evento está representado pela estrela vermelha.  Os triângulos representam as estações RCBR (em vermelho) e ACCP (azul). Em destaque os limites do município de Pedra Preta.
    O registro do evento na estação de Riachuelo (RCBR) está mostrado na Figura 2.

Figura 2. Registro do evento em RCBR.

Fonte: LabSis/UFRN; RSISNE; INCT-ET, USGS
Joaquim Ferreira

quarta-feira, 18 de junho de 2014

Novo tremor em Pedra Preta em 18/06/2014

    Depois de um período de aproximadamente um mês e meio de calmaria na madrugada de hoje, dia 18/06, ocorreu um novo tremor em Pedra Preta acima do limiar de percepção (1.5). O evento ocorreu às 03:29 UTC (00:29, hora local) e teve magnitude 3.6. Este tremor foi bem sentido em Pedra Preta, conforme fomos informados pela Defesa Civil Municipal.
   O mapa de localização epicentral está na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. O epicentro do evento está representado pela estrela vermelha.  Os triângulos representam as estações RCBR (em vermelho) e ACCP (azul). Em destaque os limites do município de Pedra Preta.
    O registro do evento na estação de Riachuelo (RCBR) está mostrado na Figura 2.

Figura 2. Registro do evento em RCBR.
    O último evento acima do nível de percepção ocorreu no dia 27/04, quando ocorreram dois sismos seguidos. O retorno atual significa que a atividade sísmica em Pedra Preta ainda não entrou num período de calmaria e, como sempre afirmamos, não é possível prever sua evolução.

Fonte: LabSis/UFRN; RSISNE; INCT-ET, USGS
Joaquim Ferreira, Eduardo Menezes

terça-feira, 27 de maio de 2014

Novo tremor na cordilheira meso-oceânica em 27/05/2014

    Hoje, 27/05, às 10:59 UTC ocorreu um novo tremor na dorsal meso-oceânica desta vez de magnitude 5.1. O epicentro do tremor está localizado a aproximadamente 1.122 km a SW da ilha de Santa Helena, a 2.790 km a E de Vitória e a 3.050 km a ENE do Rio de Janeiro.
    O mapa de localização epicentral está na Figura 1.

Figura 1. Mapa de localização epicentral. O epicentro do sismo está simbolizado pela estrela vermelha. O triângulo vermelho indica a localização da estação de Riachuelo (RCBR).
    O registro do evento na estação RCBR é mostrado na Figura 2.

Figura 2. Sismograma de 24h da estação RCBR. O registro do evento está dentro do retângulo vermelho.
Fonte: LabSis/UFRN, USGS
Joaquim Ferreira